Maria Manuela Queirós Vasconcelos Mota dos Santos

69 anos – Presidente da FMAM

Filha mais velha de Manuel António da Mota, teve uma infância feliz e uma adolescência passada a maior tempo num colégio interno, o Sardão.
Formada em Economia no mesmo dia que a sua irmã Teresa, teve muitos sonhos que ficaram pelo caminho, mas muitos foram-se realizando pouco a pouco. Teve muitos amigos, alguns, infelizmente já partiram. Depois de formada não foi logo trabalhar, casou e teve um filho. Desde que começou a trabalhar, esteve sempre na Mota Engil tendo desempenhado várias funções na área Administrativa, Financeira e de Recursos Humanos do Grupo.
Hoje com 69 anos, ainda, faz parte da administração de várias empresas do Grupo e empresas da Família, sendo que nos últimos anos em funções cada menos executivas. Tem muita honra e agradece muito e do fundo do coração a oportunidade ter sido a primeira presidente da Fundação Manuela António da Mota, lugar para que foi nomeada pelos seus irmãos e por outros fundadores.
A Fundação tem o privilégio, desde a sua Fundação, de contar com pessoas muito competentes. Hoje a Comissão Executiva é constituída por 3 pessoas, o Dr. Rui Pedroto, que tem sido fundamental para o bom desempenho da Fundação desde a sua formação, e ainda a Eng. Inês Mota e o Eng. Manuel Costa, que aportam novas iniciativas e juventude. Os outros membros não executivos actuais têm sido muito importantes, dando bons contributos para o crescimento da Fundação em Portugal e noutros países onde o Grupo se encontra.
Pela Fundação passaram já pessoas que deixaram a sua marca e estiveram sempre presentes quando necessário, por isso está grata a Todos os atuais colaboradores e, curadores e administradores e todas as organizações humanitárias ou de outro cariz que colaboraram com a Fundação.
O caminho faz-se caminhando e espera que a Fundação cumpra sempre o destino para que foi constituída.