Subiu a Construção como se fosse máquina

A exposição de Luísa Mota, neta de Manuel António da Mota, apresenta uma série de obras comissariadas pela Mota-Engil em 2006 e 2017, comemorativas da pessoa e do legado de Manuel António da Mota.

Complexas construções antropomórficas articuladas com paisagens naturais e humanas, sintetizam metaforicamente as várias dimensões da construção e do ato de construir, de que Manuel António da Mota foi figura maior.

Esta exposição esteve patente de 19/12/2019 a 29/02/2020